[Resenha] Enders (Starters #2), de Lissa Price


> Leia antes: Starters (1º livro)

Uma continuação muito esperada por mim, Enders prometia ser o final de uma série muito interessante sobre uma sociedade bem diferente da atual, mas ainda com grandes semelhanças.

No entanto, um dos pontos negativos que Starters também teve, a enrolação no começo do livro, nessa continuação se estende por bem mais tempo do que seria interessante e aceitável. O final de Starters deixava quase tudo concluído, mas mesmo assim, ainda havia algumas coisas que valeriam a pena ter um segundo livro.

Callie, a protagonista, finalmente pensa estar livre do Velho, da Prime Destinations, de todos esses problemas que enfrentou no livro anterior, mas tudo não passa de uma ilusão, pois ela, assim como todos aqueles que têm um chip na cabeça – conhecidos como Metais – ainda podem ser controlados por esses mesmos malucos que já ocuparam seus corpos uma vez.

Aqui nós temos uma maior presença de Michael, o melhor amigo de Callie, mas quaisquer que fossem as segundas intenções entre esses dois, elas se dissiparam quase que completamente. Tyler, o irmão mais novo de Callie, aparece pouco – infelizmente, porque eu acho que teríamos aí uma aquisição interessante a história. Além disso, há a entrada de vários personagens, alguns marcantes e outras simples peças na construção da história.

O foco nesse livro, que pode ser meio confuso no começo da história, é que Callie quer tentar, além de salvar todos os que correm perigo, acabar de vez com as chances de alguém controlar os corpos dos Metais. Sendo uma starter especial, ela é a mais capacitada, mesmo que saiba tão pouco quanto nós. Aliás, as dicas que a autora vai lançando aos poucos são úteis, mas às vezes acabam mais nos confundindo do que ajudando.

Apesar de eu ter gostado da construção desse segundo livro, ao mesmo tempo eu achei que a enrolação acabou estragando as coisas. Os novos personagens foram bons, mas ao mesmo tempo, senti que diversas cenas (longas) nem sempre eram necessárias. O lado bom é que as últimas páginas são ótimas, cheias de revelações e surpresas de cair o queixo (o que o primeiro também teve), mas achei que a conclusão em si da história não foi das melhores, soou um pouco idealizada demais pra mim.

Eu gostei muito de Starters, portanto esperava amar Enders, mas infelizmente isso não aconteceu. O livro é bom, tem algumas explicações sobre a sociedade atual, mas eu achei que, comparado com outras distopias, essa mesma explicação ficou rasa, se focando mais no presente do que em nos contar o que levou a tal situação. Para quem gostou de Starters, é interessante ler a continuação, mas se você já se irritou com a enrolação no primeiro, pense bem.

Pra quem quiser ler os contos extras dessa série, a Novo Conceito disponibilizou todos AQUI!


Autor(a): Lissa Price
Editora: Novo Conceito
Ano: 2014
Páginas: 288
Nome original: Enders
Coleção: Starters, #2

Um comentário:

  1. Olha, Starters já foi um livro bastante controverso para mim; não curti, achei a trama e os personagens bastante superficiais. Por isso optei por nem ler Enders, do qual li muitas resenhas negativas e medianas, e apenas algumas poucas positivas. Por não ter gostado de Starters, acho que fiz bem em parar por ali mesmo hahah.

    Beijosss, Livro Lab

    ResponderExcluir

Comente aqui o que achou da postagem. Não seja tímido, pode falar o que vier a cabeça (desde que não seja coisas, você sabe, idiotas, racistas, etc).
Aproveite.